Pular para o conteúdo principal

Bacalhau

bacalhau

Assim como o champange é uma bebida que remete a festas, o bacalhau é a comida que também é sinônimo de festa!

Introduzido em Portugal no século XV, o bacalhau era perfeito para as longas viagens de navio dos portugueses. Os primeiros relatos sobre a vinda do bacalhau no Brasil é de 1818, mas só um século depois é que se tornou famoso e popular pela chegada os portugueses imigrantes à nossa terrinha, trazendo consigo sua cultura, tradições e livros de culinárias rs!

Mas vou te contar um segredo: Cabeça de bacalhau não existe! Aliás, nem o bacalhau existe nos mares!

Bacalhau é resultado de um processo de salgamento de alguns peixes.

Os peixes que viram bacalhau, não tem nome em português! Eles são de 5 espécies diferentes:

 

gadus Gadus Morhua: É o mais nobre. É aquele alto, que se desmancha em lascas tenras. Tradicionalmente chamado de Bacalhau do Porto.

Gadus Macrocephalus:É quase igual ao Mohrua, mas é mais claro e perde um pouquinho em sabor. É encontrado no Pacífico enquanto o Morhua é encontrado no Atlântico.

 

saithe Saithe (Pollachius Virens): Tem o sabor e cor acentuados, o melhor para se fazer bolinhos e usá-lo desfiado!

 

 

zarbo Zarbo (Brosme brosme): Um peixe pequeno e barato, que rende bastante e é otimo para fazer sopas, pirões, caldos, etc

 

 

ling Ling (Molva molva): É estreito, claro, barato e perfeito para grelhar e assar.

 

 

Essas espécies vivem nas águas geladas do ártico, entre a Europa e o Canadá:

image016 

O Brasil é o maior comprador de bacalhau do mundo, mas, proporcionalmente, os portugueses são os maiores consumidores (não é a toa que eles o chamam de Fiel Amigo).

Cada família tem uma receita ótima de bacalhau, algum jeito de dessalgar o peixe. Aqui em casa, deixamos ele de molho na geladeira, trocando a água várias vezes durante 2 dias. E sempre colocando a água na mesma temperatura em que o peixe está, para não haver variação.

Tem gente que dessalga no leite. Mas, sinceramente, acho um desperdício... Fora o preço absurdo do litro do leite!

Preparado com muito azeite, tem como resistir àquelas lascas macias que desprendem do peixe?

Comentários

Andréa Almeida disse…
Bacalhau é muito bom! Legal seu blog.

Postagens mais visitadas deste blog

É... O tomate tá ficando caro no mundo todo!!

Nova York levando café a sério

A dinâmica presente no DNA de Nova York se mostra presente também na cena de cafés especiais.   A cada ano que passa fica evidente a vocação de Nova York para, assim como Porltand, Seatle e São Francisco, ser um ponto de referência de cafés especiais.   Visitei e re-visitei nas últimas duas semanas aproximadamente 30 cafés especiais em Nova York além de lugares onde o nova-iorquino consome boa parte da bebida como Mc Donalds, Dunkin Donuts e, claro, Starbucks.   Gorjetas   Uma coisa que me chamou atenção esse ano foi a gorjeta. Culturalmente, as gorjetas variam de 10 a 15% do valor do pedido. Quase todos os cafés de NY hoje usam um iPad como POS ou ponto de venda (a nova geração da tela da caixa registradora) e simplesmente giram a tela para o consumidor colocar o quanto gostaria de dar de gorjeta.   É fato que muita gente nos EUA vive com o dinheiro dessas gorjetas, que é muitas vezes maior que o valor do salário. Mas aqueles 10 ou 15% tradicionais estão virando coisa do passado. Algu