Pular para o conteúdo principal

Forno de Minas voltou a esquentar…

Lembra do meu post de quase 1 ano atrás, de quando a General Mills resolveu descontinuar as marcas Forno de Minas e Frescarini?

Pois bem, agora já é possível reencontrar os pães de queijo congelados da Forno de Minas nos supermercados… Os antigos donos recompraram a marca e voltaram a produzir.

Com direito até a notinha na embalagem:

fornodeminass 
Quem me avisou e me deixou morrendo de saudades de comer pão de queijo foi a minha amiga Elaine, professora de Scraps e dona do www.scrapcorner.com.br. Aliás, se vc não conhece o trabalho dela, conheça! Eu sou fã! Assim como sou fã de pão de queijo! :)

Comentários

oi michel......!
vou te dizerr que entro todos os diass no teu blog simplesmente amoo!!
Estudogastronomia aqui no brazil na faculdade anhembi morumbi....e me lembrei d+++ de voce!
estou indo agora dia 4 para Paris na Europain..ja ouviu fala?
e queria saber se quiser..quando eu voltar da p eu te mandar algumas fotos da feira e voce pode postar!
espero que goste!!

e parabenss...pelo blog!
bjs
Auki disse…
Olha!!! Please, eu ia adorar se vc mandasse fotos e escrevesse algo sobre a feira!! hehe!

mande para meu email, vc tem, né?!

Bjos e boa viagemmmmm!!
chopp disse…
Eu tb adoro pão de queijo...e logo chega o friozinho e com café, é tudo de bom...

Postagens mais visitadas deste blog

É... O tomate tá ficando caro no mundo todo!!

Nova York levando café a sério

A dinâmica presente no DNA de Nova York se mostra presente também na cena de cafés especiais.   A cada ano que passa fica evidente a vocação de Nova York para, assim como Porltand, Seatle e São Francisco, ser um ponto de referência de cafés especiais.   Visitei e re-visitei nas últimas duas semanas aproximadamente 30 cafés especiais em Nova York além de lugares onde o nova-iorquino consome boa parte da bebida como Mc Donalds, Dunkin Donuts e, claro, Starbucks.   Gorjetas   Uma coisa que me chamou atenção esse ano foi a gorjeta. Culturalmente, as gorjetas variam de 10 a 15% do valor do pedido. Quase todos os cafés de NY hoje usam um iPad como POS ou ponto de venda (a nova geração da tela da caixa registradora) e simplesmente giram a tela para o consumidor colocar o quanto gostaria de dar de gorjeta.   É fato que muita gente nos EUA vive com o dinheiro dessas gorjetas, que é muitas vezes maior que o valor do salário. Mas aqueles 10 ou 15% tradicionais estão virando coisa do passado. Algu

1000 coisas para comer antes de morrer

#0006 Pierog Comida típica polonesa, esse salgado é uma mistura do nosso pastel com um grande ravioli semi-cozido. No recheio, repolho, cebolinha, batatas e carne e cogumelos portobello. Além de versões mais modernas com morangos e confitures. Tradicionalíssimo na Europa central desde o século XVII e patrimônio gastronômico da Polônia.